Ortopedia

5 benefícios de andar descalço

Escrito por:Dr. Bruno Lee |

Ortopedista revela porque tirar os sapatos pode ser saudável.

Há quem ame e quem odeie. Mas, as explicações do médico ortopedista, Dr. Bruno Takasaki Lee, especialista em pés, da capital paulista, revelam porque tirar os sapatos pode ser saudável.

Estímulos sensoriais e motores

A área de representação dos pés no cérebro é semelhante à das mãos. Por isso ele recebe -tanto quanto o tato das mãos – os estímulos sensoriais e motores. É uma parte importante de exploração e reconhecimento que melhora sempre a capacidade de desenvolver e melhorar a força e a coordenação.

Veja também: Nas alturas: a importância da escolha correta do salto para não prejudicar os pés

Força e mobilidade

Pés descalços são sinônimo de ganho de força e mobilidade.

E isso explica porque alguns problemas comuns como o pé chato ou fascite plantar, podem ser prevenidos ao andar de pé no chão que é quando aumenta a capacidade de mobilidade e força das articulações e musculatura dos pés.

Assim como todo o corpo, os pés carregam diversos músculos na sola que são os responsáveis por manter o arco plantar: a estrutura que distribui a pressão entre as diferentes áreas do pé controlando o impacto nos pés e também nas articulações subjacentes.

Veja também: Fasceíte plantar: você sabe o que é?

Impacto e amortecimento

Quando o pé fica tempo demais preso nos sapatos, acabam enfraquecendo e enrijecendo a musculatura. Isso afeta o mecanismo natural de absorção de impacto e do amortecimento. Os pés precisam ser estimulados a fazer diferentes movimentos sempre dentro e fora dos sapatos.

Relaxamento

O contato direto com o chão, mesmo dentro de casa, favorece uma boa troca de energia que reequilibraria o organismo e pode ajudar a prevenir o estresse. Tudo isso porque ao tocar o solo, os pés recebem em suas terminações nervosas informações sobre o solo, que chegam direto no cérebro e estimulam o equilíbrio. Com isso, a postura é corrigida e a tensão reduzida, inclusive aliviando o estresse graças à menor produção de cortisol.

Veja também: Meu pé que me aguenta o dia inteiro!

Sobre o autor

Médico Ortopedista graduado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). Especialista em cirurgia do pé e tornozelo. Membro da retaguarda cirúrgica dos Hospitais Albert Einstein e Sírio Libanês. Bruno Lee Ortopedia Rua Desembargador Eliseu Guilherme, 200 - cj. 601 - Paraíso - São Paulo - SP Telefone: (11) 99797-0021 - (11) 3394-5007

Dúvidas e Comentários

Espaço para que você possa deixar suas dúvidas e comentários, que serão respondidas pelos nossos Especialistas.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Artroscopia de Quadril: entenda o que a técnica cirúrgica pode tratar

Neste artigo, o Dr. Leandro Ejnisman, especialista em ortopedia e traumatologia, esclarece as principais dúvidas a respeito desse método inovador

Leia mais

Os benefícios da prática de natação pós Covid-19

A Dra. Giovanna Sperandio discorre a respeito desse assunto

Leia mais

Maio Amarelo: prevenção é a palavra-chave

Os médicos ortopedistas Dr. Pedro Baches Jorge e Dr. Bruno Takasaki Lee falam a respeito da prevenção de lesões causadas por má-postura ao volante

Leia mais