Saúde Mental

Burnout, a doença que não existe: um mergulho na “doença do século”

Escrito por:Redação SO.U + Bem Estar |

Burnout é um tema muito complexo e que vêm gerando muitas discussões através do mundo.

Dr. Estevam Vaz – Psiquiatra E Psicanalista Médico pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP); psiquiatra pela Associação Brasileira de Psiquiatria/Associação Médica Brasileira, psicanalista pela Sociedade Brasileira de Psicanálise/International Psychoanalytical Association, Médico Psiquiatra e Perito Oficial do Tribunal Regional de Trabalho da 2ª. Região; professor convidado do Curso de Formação de Juízes da EJUD2; ex-aluno e professor convidado do Curso “Transtornos Mentais Relacionados ao Trabalho” do grupo SAMPO/ Instituto de Psiquiatria/FMUSP; assistente técnico da União em Psiquiatria.

Dr. Estevam é autor do livro “Bournout: a Doença que Não Existe”, lançado no Brasil e de “Pseudoscience and Hypermedicalization: an Argument Against Burnout”, publicado na Inglaterra. O médico traz uma jornada intelectualmente estimulante, voltada unicamente para a busca de verdade dos fatos e divulgação de informações importantes para as pessoas.

O livro é um convite para todos aqueles que buscam uma compreensão mais profunda de diversas áreas do conhecimento, principalmente relacionados à psicologia, saúde mental, mundo corporativo, liderança, desenvolvimento humano e busca pelo sentido da vida. Além de sua prática clínica, o Dr. Estevam é autor dos livros “Burnout: a Doença que Não Existe” e “Pseudoscience and Hypermedicalization: an Argument Against Burnout”.

Burnout, a doença que não existe um mergulho na “doença do século”

©instaphotos via Canva.com

Nestas páginas, ele nos propõe um mergulho no tema tão desafiador, oferecendo uma perspectiva diferente para pensarmos sobre a chamada “doença do século” e expondo mitos associados ao burnout. Só neste ano ele foi convidado para palestrar em diversos congressos de medicina, como no III Congresso Brasileiro de Psiquiatria Ocupacional, falando sobre o livro “Burnout: a Doença que não Existe” e como chegou às suas conclusões.

Veja também: Burnout: máquina de fazer dinheiro?

Foi convidado para se apresentar, também, no Congresso Brasileiro da Associação Nacional de Medicina do Trabalho abordando o mesmo tema, na cidade de Porto Alegre. E, no ano que vem, irá palestrar na tertúlia de 12/6/2024 da Academia de Medicina de São Paulo, sobre burnout. O tema e teses sobre o “burnout” são alvos de muitas discussões no meio médico e imprensa atualmente! O autor apresenta dezenas de argumentos críticos sobre a ideia de que burnout é uma doença ou síndrome.

Burnout a doença quenão existe

Foto Divulgação

LIVRO BURNOUT, A DOENÇA QUE NÃO EXISTE. A notícia já havia corrido o mundo em 24 de junho de 2019, quando um porta-voz da OMS anunciou que burnout passaria a ser considerado doença na CID 11. Quatro dias depois, outro porta-voz da mesma OMS desfez a informação, conforme notícia do portal Medscape: “Inclusão de burnout na CID-11: a mídia está errada, diz a OMS”. Esse porta-voz disse que “Houve um mal-entendido. “Burnout” não foi de fato reconhecido pela OMS como uma condição médica. Posto isto, a importância do bem-estar no local de trabalho é bem compreendida pela OMS”. (fonte: https://www.medscape.com/viewarticle/914077).

“Burnout” vai continuar na mesma categoria Z73 da CID 10, que não classifica doenças, mas “Problemas com a organização de seu modo de vida” e, na CID 11, “Problemas com o emprego e o desemprego”, sob o código QD85.

Veja também: Burnout: 7 curiosidades (surpreendentes)

Sobre o autor

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar. Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Veja também

Riscos da divulgação de “antes e depois” de procedimentos estéticos

Cirurgião plástico Josué Montedonio adverte sobre riscos da divulgação de "antes e depois" de procedimentos estéticos

Leia mais

Preliminares: Entenda a importância para o corpo feminino

Você sabe por que uma mulher precisa de preliminares no momento do sexo?

Leia mais

Veja 4 produtos essenciais para se ter na rotina de skincare da pele madura

Entenda quais são esses produtos e o benefício de cada um deles para a pele

Leia mais