Alimentação & Nutrição

Comer carne todos os dias pode causar parasitas? Fato ou Fake?

Escrito por:Redação SO.U + Bem Estar |

A nutricionista especialista em dieta carnívora Dra. Fabiane Silvério desmistifica a relação da desparatização e o consumo diário de carne

Nos últimos tempos, tem-se questionado se comer carne diariamente está associado à infestação por parasitas. Convidamos a especialista Fabiane Silvério para explorar mitos comuns, destacar a importância do cozimento adequado, além de discutir as relações entre desparasitação, restrições alimentares e a segurança ao ingerir carne diariamente.

 

Muitas vezes, as pessoas acreditam que o consumo regular de carne, especialmente carne crua ou mal cozida, é a principal fonte de infestação por parasitas no corpo. No entanto, essa percepção nem sempre é real. Para a nutricionista “ A presença de parasitas no organismo não está necessariamente ligada ao consumo de carne. É importante entender que a carne de qualidade, adquirida em locais confiáveis e preparada de forma correta por meio do cozimento adequado, apresenta riscos mínimos de conter parasitas.” Explica Dra. Fabiane.

 

Algumas pessoas optam por fazer procedimentos de desparasitação como parte de sua busca por uma boa saúde. Durante esse processo, é comum que profissionais da saúde possam evitar o consumo de carne para não causar parasitas, entre outras restrições alimentares. Mas por que isso acontece? ”A restrição de carne durante a desparasitação não está relacionada ao fato de carne ser a principal causa de parasitas. Em vez disso, essas restrições são de fato atribuídas a várias outras razões como digestão mais simples, alto teor de nutrientes, evitar potenciais contaminantes”, explica a especialista em dieta carnívora.

Comer carne todos os dias pode causar parasitas Fato ou Fake

©Oneinchpunch via Canva.com

Para a nutricionista Fabiane Silvério, se você é um amante de carne e não deseja evitar seu consumo, existem maneiras de garantir que você esteja ingerindo carne de forma segura e minimizando qualquer risco de infestação por parasitas,  ”Certifique-se de comprar carne de fontes confiáveis, como açougues, mercados ou fornecedores conhecidos por sua qualidade e higiene; sempre cozinhe a carne completamente a uma temperatura interna segura; lave as mãos e utensílios de cozinha após manusear carne crua; evite a contaminação cruzada entre carnes cruas e outros alimentos e mantenha a carne refrigerada a temperaturas seguras e consuma-a dentro do prazo de validade recomendado.” Orienta a nutricionista.

 

Por fim, a especialista reitera que comer carne todos os dias não é, uma causa comum de infestação por parasitas. A qualidade e a preparação adequada da carne desempenham um papel fundamental na minimização de riscos. “Se você está considerando a desparasitação ou qualquer outro procedimento de saúde, é importante seguir as orientações do seu profissional de saúde e não presumir que a carne seja a culpada por todos os problemas relacionados a parasitas. Inclusive, ela pode te ajudar no processo!” Finaliza a Dra. Fabiane.

Veja também: 5 dicas para manter uma alimentação saudável

Sobre o autor

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar. Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Veja também

Pesquisa da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular revela aumento de óbitos por AVC em relação ao IAM

O AVC é uma das principais causas de morte no mundo.

Leia mais

Anualmente, 40% das pessoas idosas sofrem quedas

Idade avançada é sinal de alerta para fratura vertebral

Leia mais

Dia do Homem: Urologista explica importância de tratamento inovador para problemas na próstata

Seis em cada 10 homens no Brasil só procuram um médico quando os sintomas estão insuportávei

Leia mais