Esporte e Atividades Físicas

Dá para treinar em dias quentes?

Escrito por:Redação SO.U + Bem Estar |

Com temperaturas acima do normal é preciso tomar alguns cuidados antes, durante e depois das práticas esportivas. Confira dicas para não deixar de se exercitar sem prejudicar a saúde

As mudanças climáticas estão sendo sentidas no Brasil com ondas de calor que têm atingido diversos estados desde o final de 2023, onde é possível perceber a temperatura de 5 a 8 ºC mais alta que o normal para o período. A prática de exercícios físicos é extremamente importante para a saúde e mesmo com os dias mais quentes é possível manter a rotina de atividades físicas, mas claro com mais cuidado. Pensando nisso, o professor e personal trainer da Academia Gaviões, Antonio Rebolho, separou algumas dicas para treinar sem sofrer. Confira:

Alimentação

“Indico o consumo de alimentos naturais, que vão dar uma vascularização maior ao corpo, o que confere mais energia para o exercício, porém não vão aumentar a temperatura interna. Um bom alimento que pode ser usado em dias de calor por exemplo é a beterraba, que aumenta o nitrogênio muscular e dá disposição para a atividade. O tubérculo pode ser consumido tanto como suco quanto em saladas. Esse é um excelente pré-treino”, recomenda Antonio.

Horário e roupas

“Evite horários como o do meio-dia e quando existe maior concentração de calor, assim é possível ter mais rentabilidade nos exercícios. Também é essencial a escolha por trajes esportivos mais leves, que tenham uma boa absorção de suor” alerta Rebolho.

Dá para treinar em dias quentes

©76cfc62a_271 de Getty Images via Canva.com

Exercícios

O personal trainer ressalta que todos os grupos musculares podem e devem ser trabalhados normalmente, nenhuma atividade precisa ficar de fora por conta do clima. “O aluno pode fazer um treino fullbody, onde se trabalha o corpo inteiro com uma intensidade média ou baixa. Isso vai rentabilizar mais a sua sequência de exercícios naquele dia. Essa estratégia não fadiga um grupo muscular específico e sim trabalha o corpo de uma forma completa”.

Hidratação

“Assim como é necessário que o aluno esteja muito bem alimentado, a água desempenha um papel fundamental na hidratação. Uma boa opção é sempre carregar um isotônico, alguma fonte de nutrição líquida de rápida absorção antes ou após a atividade”,explica Antonio.

Veja também: Hidrate-se: Entenda os impactos do baixo consumo de água para a pele

Pós treino

“Ao finalizar a sequência de exercícios, reserve de 5 a 7 minutos para o seu corpo voltar, ter uma homeostase, ou seja, para que seu corpo volte a uma temperatura natural adequada e depois disso sim sair da academia. Isso é um pré-cuidado para que o corpo volte a estar de acordo com o ambiente. Se estiver de carro, fique um minutos com circulação de ar considerada boa e depois siga”, orienta o personal trainer.

Dica para se motivar

“Algo que é muito eficaz é buscar um parceiro de treino que esteja com o mesmo objetivo. Isso pode te trazer uma maior motivação e principalmente em dias quentes que são mais desgastantes. Ter um amigo que acompanhe a rotina de atividades pode ajudar bastante na motivação e para manter o foco”, finaliza Rebolho.

Veja também: O impacto do calor na saúde auditiva e respiratória

Fonte:  Academia Gaviões | No cenário paulista há quase 50 anos e no franchising desde 2019, a Academia Gaviões conta hoje com 63 unidades e pretende chegar a 100 em operação até o final de 2025. A rede oferece modelos de negócios onde o franqueado pode ser o administrador ou somente o investidor, já que também oferece a opção do empreendedor contratar um serviço de administração especializado na marca. Todas as unidades oferecem um mix de aulas, atendimento diferenciado para iniciantes e modernos equipamentos de musculação.

Sobre o autor

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar. Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Veja também

Pesquisa da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular revela aumento de óbitos por AVC em relação ao IAM

O AVC é uma das principais causas de morte no mundo.

Leia mais

Anualmente, 40% das pessoas idosas sofrem quedas

Idade avançada é sinal de alerta para fratura vertebral

Leia mais

Dia do Homem: Urologista explica importância de tratamento inovador para problemas na próstata

Seis em cada 10 homens no Brasil só procuram um médico quando os sintomas estão insuportávei

Leia mais