Saúde Mental

Estresse ocupacional afeta o sono de 60% dos profissionais

Escrito por:Redação SO.U + Bem Estar |

Estudo do Gympass realizado em nove países, o Panorama do Bem-estar Corporativo 2024 mostrou que para 98% dos profissionais um boa noite de sono é importante para o bem-estar geral.

 

Estresse ocupacional afeta o sono de 60% dos profissionais

São Paulo, 8 de novembro de 2023 – A qualidade do sono é um dos aspectos que mais impactam o bem-estar geral da força de trabalho. De acordo com o Panorama do Bem-Estar Corporativo do Gympass, 98% dos profissionais dizem que um boa noite de sono é importante para o bem-estar geral. No entanto, 60% dos colaboradores afirmam que não conseguem ter um sono de qualidade por conta do estresse no trabalho.

A situação é crítica para uma parcela considerável da força de trabalho: um em cada dez participantes da pesquisa (9%) diz que perde o sono todas as noites, 24% várias vezes por semana e 27% várias vezes por mês. Outros 23% afirmaram que perdem o sono pelo menos algumas vezes por ano e apenas 17% dos trabalhadores ouvidos no estudo disseram que nunca perdem o sono por conta do estresse no trabalho.

Gráfico obre o Impacto do estresse no sono_Pg21

Os participantes que perdem o sono por causa do trabalho afirmam que sentem uma piora no bem-estar emocional, na motivação e na produtividade. A privação de sono, mesmo que por curtos períodos, prejudica o raciocínio, causa desgaste emocional e pode retardar reações físicas importantes para prevenir acidentes de trabalho, especialmente em ambientes de alto risco. Quando se torna um problema crônico, pode causar declínio cognitivo – inclusive levando à demência – e aumentar o risco de desenvolver doenças cardíacas e obesidade.

Leia esta e outras notícias no nosso canal no: WhatsApp

“Se as empresas não apoiarem o colaboradores no cuidado com o sono, o problema pode se tornar um ciclo vicioso: a perda de sono diminui a produtividade, causando mais estresse, o que prejudica ainda mais a qualidade do sono e o desempenho no trabalho”, explica Renato Basso, vice-presidente de Pessoas do Gympass.

 

A boa notícia é que os funcionários estão ávidos por melhoras nesse aspecto, com nove em cada dez participantes do estudo afirmando que tomam medidas para melhorar a qualidade do sono.

 

Além do estresse no trabalho, preocupações financeiras também têm impactado a qualidade do sono dos colaboradores. Metade das pessoas ouvidas no estudo relataram que perdem o sono pelo menos algumas vezes por mês por conta de preocupações econômicas. Isso também pode fazer a empresa gastar mais com assistência médica. Ou seja, empresas que não possuem pacotes de remuneração competitivos dentro de seus respectivos mercados  podem acabar pagando mais pelo plano de saúde.

 

“A situação da saúde do sono da força de trabalho acende uma luz de alerta para as organizações. Quando as demandas do trabalho impedem que as pessoas cuidem de sua saúde física (sono, alimentação e atividades físicas), em última instância, também impedem que os colaboradores entreguem os resultados esperados”, diz Basso.

 

Comparando as respostas de cada grupo, constatou-se que o nível de bem-estar geral dos usuários do Gympass é maior do que o das pessoas que não usam o programa. No bem-estar físico e emocional — as duas dimensões que, segundo os colaboradores, mais afetam a produtividade no trabalho — o impacto é ainda maior. 68% dos usuários do Gympass dizem que seu nível de bem-estar está bom ou ótimo, em comparação com os 55% de não usuários. O número de usuários do Gympass que afirmam que a qualidade do sono e da alimentação é boa ou ótima também é maior do que o de não usuários.

 

O Gympass oferece acesso premium gratuito a aplicativos que ajudam os colaboradores a cuidar da saúde do sono, como Sleep Cycle, Headspace, Cíngulo, Calm, Meditopia e ZenApp.

 

O Panorama do Bem-Estar Corporativo foi feito com mais de 5.000 profissionais em nove mercados globais: Estados Unidos, Reino Unido, Brasil, Argentina, Chile, Espanha, Itália, Alemanha e México.

 

Sobre o Gympass

O Gympass é a plataforma de bem-estar corporativo mais amada do mundo, que oferece em um único benefício a melhor rede de academias, estúdios, aulas, personal trainers e aplicativos de bem-estar. Mais de 15.000 empresas usam o Gympass para ajudar seus colaboradores a se movimentar, se alimentar, dormir e se sentir melhor, oferecendo acesso a uma rede de parceiros de atividades físicas e de bem-estar, com planos que custam aos colaboradores até 50% menos do que as assinaturas tradicionais. Com o Gympass, os líderes de RH conseguem mais do que dobrar o número de colaboradores engajados nos programas de bem-estar. Essa ampla participação resulta em força de trabalho com 40% menos probabilidade de rotatividade e traz uma economia de até 35% em custos de saúde para as empresas. Investir no bem-estar dos funcionários é investir no desempenho dos negócios. Saiba mais em gympass.com

Veja também: Síndrome de burnout: como as empresas podem prevenir e lidar com o tema

Sobre o autor

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar. Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Veja também

Riscos da divulgação de “antes e depois” de procedimentos estéticos

Cirurgião plástico Josué Montedonio adverte sobre riscos da divulgação de "antes e depois" de procedimentos estéticos

Leia mais

Preliminares: Entenda a importância para o corpo feminino

Você sabe por que uma mulher precisa de preliminares no momento do sexo?

Leia mais

Veja 4 produtos essenciais para se ter na rotina de skincare da pele madura

Entenda quais são esses produtos e o benefício de cada um deles para a pele

Leia mais