Saúde & Bem Estar

Dia da Mulher: Como praticar o autoamor?

Escrito por:Redação SO.U + Bem Estar |

Especialista explica como se priorizar

Nesta sexta-feira (08), é comemorado o Dia Internacional da Mulher. As mulheres exercem vários papéis no cotidiano: papel de filha, esposa, amiga, profissional e, para muitas, papel de mãe.

Em meio a tentar equilibrar tantas funções, muitas mulheres esquecem da relação mais importante da vida delas, a com elas mesmas. A especialista em autoconhecimento e única formadora do método Louise Hay no Brasil, Renata Fornari, espera que todas comecem a praticar o autoamor nessa data tão simbólica.

 

“Todas as relações são espelhadas em como as pessoas cultivam o relacionamento com elas mesmas. Ao cultivarmos uma boa relação com nós mesmas, todas as nossas outras se tornam mais saudáveis. O meu desejo é que hoje todas possam dizer ‘Eu me priorizo!’”, Fornari diz.

Veja também: Especial Mulheres na Ortopedia

Confira três exercícios sugeridos pela especialista para praticar a partir deste Dia da Mulher.

 

Olhe nos seus olhos

Pare agora o que você estiver fazendo. Fique em frente ao espelho e olhe nos seus olhos (não foque em aspectos físicos do seu rosto), e diga para você: “Eu te amo! Como eu posso te fazer feliz hoje?”

 

Qualquer que seja a resposta, encare como se fosse um presente para você mesma, a pessoa mais importante da sua vida. “Marque uma massagem, um almoço ou jantar e até uma parada para um café especial, resumindo, faça algo que te faz feliz.”, Renata orienta.

Dia da Mulher Como praticar o autoamor

Foto: Divulgação/Internet

Faça um elogio a si mesma

Todas as vezes que você notar que está se criticando, pare imediatamente e diga: “Eu estou disposta a deixar de me criticar”. Em seguida, faça um elogio ao seu respeito.

Fornari explica que desenvolver a capacidade de reconhecer os nossos pontos fortes é essencial para praticarmos o auto amor: “Esse exercício enfraquece a autocrítica, uma prática comum no cotidiano.”

 

Peça ajuda

“O método Louise Hay diz que a pessoa que se ama e que se trata com carinho sabe que merece receber apoio e ajuda. Precisamos nos amar o suficiente para saber que nós merecemos receber auxílio e carinho.” , ela explica.

A especialista diz que essa ajuda pode vir de diversas maneiras, desde o colo de um amigo até mesmo realizar um curso que te dê apoio.

Renata Fornari se dedica desde 2017 à metodologia da maior precursora do autodesenvolvimento através do autoamor no mundo, que está presente em mais de 70 países. Seu objetivo é ensinar as poderosas técnicas de transformação de Louise Hay, ajudando pessoas a se libertarem de condicionamentos do passado e entrarem em contato com a própria essência, tendo o autoamor como principal ferramenta.

Sobre o autor

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar. Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Veja também

Especialista explica como a fisioterapia pélvica auxilia a incontinência urinária em homens e mulheres

Estima-se que a incontinência urinária atinja cerca de 45% das mulheres e 15% dos homens acima de 40 anos

Leia mais

22 de Julho – Dia Mundial do Cérebro

4 dicas para fortalecer a saúde do seu cérebro

Leia mais

A Importância da Amizade: Perspectivas de Especialistas

No dia da amizade vale enaltecer sua importância e o impacto no nosso dia a dia.

Leia mais