Ortopedia

6 curiosidades sobre os seus pés

Escrito por:Dr. Bruno Lee |Escrito por:Redação SO.U + Bem Estar |

O médico especialista Bruno Lee lista alguns pontos que devemos estar atentos para cuidarmos corretamente dos nossos pés

Os pés podem ser nossos companheiros por toda a vida. Inclusive, para aqueles que gostam de pensar de uma forma mais poética, é possível dizer que eles são os responsáveis por nos levarem a todos os caminhos que percorremos ao longo da vida.

No entanto, muitas vezes não damos a devida atenção para os cuidados que os nossos pés merecem. Um exemplo é quando só resolvemos ter cuidado quando começamos a sentir algum tipo de incômodo na região.

Entretanto, há várias características e situações diárias que precisamos conhecer sobre nossos pés. Assim, evitamos que um eventual problema passe despercebido e ocasione dores, cansaço, má postura, dentre outros.

Por isso, nesse artigo, o Dr. Bruno Lee, médico especialista em ortopedia, apresenta as principais e mais importantes curiosidades sobre os nossos pés. Acompanhe a leitura para saber mais sobre o assunto!

Quais são as funções do pé?

Antes mesmo de conhecer algumas curiosidades sobre os seus pés, você precisa entender quais são as principais funções desse membro no nosso corpo.

A principal função é suportar o peso do corpo. Para isso, eles atuam de duas formas: estática e dinâmica.

Na função estática, o pé é responsável por distribuir as forças que o peso do corpo faz sobre eles quando estamos parados e de pé, mantendo o nosso equilíbrio.

Já a função dinâmica acontece quando estamos em movimento. Ou seja, quando corremos, andamos ou pulamos.

Nestes casos, a função dinâmica permite a propulsão, o mover, e também amortece o peso que nossos pés recebem durante as atividades.  Com essas duas funções, os pés auxiliam:

Na nossa adaptação a terrenos

A estrutura dos pés — se são cavos ou planos — aliada aos dedos, são responsáveis por fazer com que nos adaptamos à variação de terrenos onde pisamos diariamente.

A manter o nosso equilíbrio

Da mesma forma como no ponto anterior, são os nossos pés que garantem o equilíbrio do nosso corpo. Assim, eles enviam informações para resistir aos desequilíbrios e nos manter de pé.

Na postura do nosso corpo

Assim como os sensores dos pés enviam informações ao nosso cérebro para nos manter de pé, eles também são essenciais para distribuir o peso do nosso corpo e manter a postura. Isso acontece porque, com as informações que o cérebro recebe, ele consegue controlar melhor os movimentos do corpo.

Agora que você já sabe as principais funções que os pés têm nos nossos corpos, vamos conferir algumas curiosidades sobre esse membro tão importante!

6 curiosidades sobre os seus pés

1.    Todos os dedos dos pés possuem uma função

Cada um dos dedos dos nossos pés possuem uma função diferente, e juntos eles contribuem para o funcionamento do membro.

No entanto, a função dos dedos é decrescente — do dedão para o mindinho. “Em termos de andar, o dedão suporta de 60 a 70% da carga quando comparado aos outros dedos. Então ele é o mais importante”, explica o médico Bruno Lee.

2.    O chulé pode ter influência de fatores hormonais e genéticos

A principal causa do chulé é a proliferação de fungos e bactérias. Pessoas que têm uma sudorese maior — ou seja, produzem e liberam mais suor — acabam sendo mais propensas a ter chulé, principalmente quando o pé fica muito tempo em uma ambiente fechado, como os tênis, por exemplo.

Por isso, diferente do que muitos pensam, nem sempre o chulé é causado por falta de higiene. Ele também tem ligação a fatores hormonais e genéticos.

3.    As unhas dos pés ajudam a identificar doenças sistêmicas

Mais do que uma questão de estética, o cuidado com as unhas dos pés também é essencial para identificar diversas doenças.

Por exemplo, dependendo de como a sua unha estiver, é possível saber se você está com uma falta de oxigenação, problemas de tireoide ou até mesmo endocardite.

As doenças reumatológicas também podem ser identificadas por alterações nas unhas dos pés, principalmente em casos que envolvem descamação das unhas.

4.    Nossos pés passam por alterações ao envelhecermos

“Quando envelhecemos, as principais alterações são a gordura da planta do pé, começa a ficar menos espesso, mais fino, a pele acaba perdendo colágeno, ficando mais delicada, mais propensa às lesões, e as deformidades”, destaca o Dr. Bruno Lee

Dessa forma, quanto mais velha a pessoa for, maior pode ser a gravidade e a presença das deformidades que vão surgindo ao longo do tempo.

5.    Algumas atividades podem alterar o pé

Atividades que utilizam bastante o pé, como futebol e corrida, podem acabar trazendo alterações ao pé e aumentar o risco de lesões. No entanto, não é preciso parar de realizar essas atividades.

O importante é fazer tudo sem exagero e se preparar corretamente para não sobrecarregar os pés, reduzindo a chance de problemas relacionados a traumas e ao excesso de treinos.

6.    Andar descalço pode causar alterações dermatológicas

Os pés estão sujeitos a muitos problemas, como traumas, fraturas, deformidades, entre outros. Contudo, algo que devemos estar bastante atentos são os locais onde pisamos quando estamos descalços.

Ao deixar nossos pés em contato direto com o chão, podemos ter doenças causadas por protozoários ou vermes que infectam a planta do pé e causam alterações no nosso organismo.

Agora que você já sabe algumas curiosidades sobre os pés, não deixe de cuidar corretamente deles. É importante estarmos sempre atentos a qualquer modificação em nossos dedos, unhas e calcanhares para identificar sintomas que indiquem alguma lesão ou doença que pode afetar todo o nosso corpo.

Conhecer a estrutura do nosso pé também é um passo importante para conhecer nossos limites e as melhores precauções para evitar dores e problemas a longo prazo.

Em caso de qualquer modificação no seu pé, não deixe de procurar um especialista para iniciar o tratamento correto e evitar que o problema se agrave. Os pés são uma parte essencial para nossa locomoção e não podemos negligenciar os cuidados diários com eles.

Sobre o autor

Médico Ortopedista graduado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). Especialista em cirurgia do pé e tornozelo. Membro da retaguarda cirúrgica dos Hospitais Albert Einstein e Sírio Libanês. Bruno Lee Ortopedia Rua Desembargador Eliseu Guilherme, 200 - cj. 601 - Paraíso - São Paulo - SP Telefone: (11) 99797-0021 - (11) 3394-5007

Sobre o autor

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar. Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Dúvidas e Comentários

Espaço para que você possa deixar suas dúvidas e comentários, que serão respondidas pelos nossos Especialistas.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Artroscopia de Quadril: entenda o que a técnica cirúrgica pode tratar

Neste artigo, o Dr. Leandro Ejnisman, especialista em ortopedia e traumatologia, esclarece as principais dúvidas a respeito desse método inovador

Leia mais

Os benefícios da prática de natação pós Covid-19

A Dra. Giovanna Sperandio discorre a respeito desse assunto

Leia mais

Maio Amarelo: prevenção é a palavra-chave

Os médicos ortopedistas Dr. Pedro Baches Jorge e Dr. Bruno Takasaki Lee falam a respeito da prevenção de lesões causadas por má-postura ao volante

Leia mais